Liberdade de espírito

home    message    submit    archive    theme
©
Sou egocêntrica, impaciente, e um tanto insegura,
admito erros, não sou nada perfeita, meus sonhos eu os conquisto, da minha vida eu cuido, não duvido da minha capacidade vôo além dos meus limites, sempre acreditando em mim, não banco a boazinha e não espero que me entendam pois nem eu mesma me entendo as vezes... Sou mulher de aquário,fêmea, feliz.
posso ser o seu mas doce sonho ou sua mais cruel realidade...

Eu e voce tão distantes, eu juro qe nao qeria, voce foi e sempre sera minha parte boa….

afagar-me:

É uma cicatriz bonita em mim, que restou de um passado que não é mais meu. eu me lembro e sorrio… como é bom superar.

(Fonte: nascinocaos)

Conto do Desencontro

Era um conto de desencontro. De acaso que virou descaso. Típica história de pessoas que se cruzam, mas não se entrelaçam. Romance inventado, amor iludido. Ele não tinha a cabeça no lugar, ela tinha o coração na boca. E por contradição “da anatomia” de ambos, deu-se o fim.

É que ela tem seu lugar.
Faz do simples o extraordinário.
Faz de um suspiro - virar falta de fôlego.
Faz de um belo sorriso - virar pedido.
Virar pensamento - Virar desejo.
Faz menino virar homem.
Faz da calmaria à arritmia.
Faz - simplesmente - FAZ!
Não tem como viver sem: B(ar)ba!

Ingênuo o homem que tem esse ‘charme.
E não conhece seus poderes.

_Thalita Souza